quinta-feira, 27 de julho de 2017

RESUMO DO CAPÍTULO SOBRE ORAÇÃO DO LIVRO: NOSSA FÉ DE EMIL BRUNNER

           

Nesta obra singular, Emil Brunner inicia com a seguinte reflexão: “Se olharmos ao mundo, morre a oração” (Brunner, 1996,p. 91). Portanto, orar não é outra coisa do que praticar a fé e como cristão devemos seguir o sábio conselho de Emil Brunner e olhar mais para o céu e menos para a temporalidade da vida, que infelizmente, rouba o nosso tempo com Deus, por isso precisamos nos refugiar na oração, que é a fonte de ânimo e esperança (Brunner, 1996,p. 93)
       Portanto, por meio desta obra singular, podemos entender os caminhos da oração, pois orar é um genuíno exercício de espiritualidade, onde a cada dia nos esvaziamos de nós mesmos, pois como afirma Brunner: “Orar é a coisa mais humilde e a coisa mais ousada que uma pessoa pode fazer” (Brunner,1966, p. 94). Deste modo, podemos vencer nossas preocupações, por isso orar é mais difícil do que trabalhar (Brunner,1966, p. 96), pois quando oramos aprendermos a entregar nossa vida nas mãos do Senhor. Brunner nos leva a uma importante reflexão quando lança mão da seguinte pergunta: “Será que um homem dos tempos modernos ainda pode orar? ” (Brunner,1966, p. 93).

     Porfim, esta obra revisita e ressignifica práticas que mesmo esquecidas, fazem parte do cristianismo, assim com a oração que nos conduz diariamente para mais perto do Senhor, portanto, este livro é uma obra clássica e singular sobre oração e vida com Deus. 

Orlando Martins 

UM PENSAR SOBRE A VOLTA DE JESUS!

Vivemos os últimos tempos e cada vez mais os sinais do arrebatamento são claros, fazendo com que cada cristão reflita o seu papel na soci...