domingo, 8 de janeiro de 2017

OS CRISTÃOS DEVEM GUARDAR O SÁBADO?

Orlando Martins

Para que possamos entender o porquê não guardamos o sábado, vamos primeiramente compreender como vivia um judeu naquele tempo em que todos habitantes da Judéia guardavam não apenas o sábado, mas também se circuncidavam, liam a Tanach (Bíblia hebraica), guardavam as festas judaicas e não comiam certos de tipos de alimentos, como qualquer habitante comum que respeitava as leis exclusivas daquele tempo para o povo judeu, como Jesus que respeitava muito os costumes locais, a ponto de ter sido circuncidado por seus pais ao oitavo dia! Entretanto porque os guardadores do sábado atualmente não fazem o mesmo e não se circuncidam? Já que querem viver na Lei, estes devem se lembrar que guardar a lei não é apenas observar os dez mandamentos e que estes são apenas um resumo da lei mosaica. Veja o que Tiago disse: “qualquer que guardar toda a lei e tropeçar em um só ponto tornou-se culpado de todos” (2.10). Caro sabatista, ou você guarda toda a lei, ou você está tropeçando! A posição de Cristo Jesus sobre o sábado é clara, leia Mateus 12.1-14, ele nunca ensinou os seus discípulos a guardarem o sétimo dia, nunca foi um costume do mestre ou dos seus apóstolos. Por que Ele não fez isso, já que tal mandamento é tão importante? Ora, se fosse tão relevante o próprio Cristo teria destacado este mandamento você não acha! Ao ser questionado pelos religiosos, ele não fez a mínima questão de salientar que o tal mandamento é atemporal e aplicável à sua Igreja, ele preferiu responder como outra pergunta: “É lícito no sábado fazer bem ou fazer mal? Salvar a vida ou matar? E eles [os fariseus] calaram-se” (Mc 3.4).



Portanto, convém ressaltar que a lei e os profetas duraram até João Batista (Lc 16.16) e que o aludido profeta viveu no período neotestamentário, mas o seu ministério obedeceu aos parâmetros vigentes no Antigo Testamento, até porque João Batista foi considerado o ultimo profeta que seguia os parâmetros veterotestamentários. Com a manifestação de Jesus, o Verbo de Deus, além do ministério profético veterotestamentário, a lei mosaica deixou de vigorar, Cristo inaugurou um novo tempo o período da graça ou do Espírito, sendo que a graça e a verdade vieram por Jesus Cristo (Jo 1.17; Rm 10.4). Meditemos em Gálatas e tenhamos cuidado com o “outro evangelho” (1.6-12).Caro leitor, quando lemos a Bíblia com cuidado, logo acabamos por interpreta-la com equidade e seriedade e assim não somos influenciados por nenhum ensinamento estranho a fé cristã, até porque, estamos no novo concerto, na nova aliança e nossa salvação não se encontra condicionada com a guarda de um dia, mas com a santidade sem a qual ninguém verá a Deus!

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

A IMPORTÂNCIA DE SE CONGREGAR EM UMA IGREJA!

Orlando Martins 

            Congregar em uma igreja é   importante e faz parte de uma cultura bíblica, pois, encontra legitimidade nos ensinamentos bíblicos, especialmente no Novo Testamento, onde vemos claramente o apóstolo Paulo  constituindo igrejas e pastores locais nas comunidades epistolares de base. Entretanto, nas ultimas duas décadas, tem surgido movimento que tentam descredibilizar a igreja, no entanto  estes se esquecem que o padrão eclesiástico, é um modelo que encontra sólida base bíblica, tanto no Antigo como no Novo Testamento. 
           Contudo, vejo tantas pessoas falando mal da igreja, no entanto, discordo destes, pois, apesar de ser um local constituído por pessoas, é um lugar maravilhoso. Na igreja, somos pastoreados, edificados através da pregação e do ensino, despertados através da oração e vivificados pela ação do Espírito Santo por meio da comunhão que temos com os nossos irmãos! 
Portanto, você que faz parte de uma denominação séria, não deixe de congregar!


10 Razões porque jamais serei desigrejado

1 - Porque a igreja é a comunidade do Deus vivo
2 - Porque necessito ser pastoreado
3-  Porque na igreja somos doutrinados e fortalecidos na palavra
4 - Porque aprendemos os fundamentos da fé, por meio do ensino e da pregação. 
5 - Porque na igreja, somos despertados através da oração. 
6 - A Igreja é um local de comunhão entre os irmãos
7 - A Igreja é local de fortalecimento espiritual 
8 - Nos cultos compartilhamos nossa fé, fortalecemo-nos uns ao outros no Senhor.
9 - Devemos congregar porque a Igreja é Refúgio em tempos de aflições.
10 - Devemos congregar porque queremos seguir o exemplo bíblico ensinado pelos  apóstolos.

"Então eles o adoraram e voltaram com grande júbilo para Jerusalém." Lc 24:52 

"E estavam sempre no templo, louvando e bendizendo a Deus." Lc 24:53

"Não deixemo-nos de congregar-nos, como é costume de alguns; antes façamos admoestações e tanto mais quanto vedes que o Dia se aproxima." Hebreus 10:25.

O CRISTIANISMO DA IGREJA PRIMITIVA E A ANÁLISE EXEGÉTICA DE ATOS 2:42

Por Orlando Martins  A comunidade nascente no dia de Pentecostes é um modelo de Igreja que vivia dentro da unidade do Espírito : Esta ...