domingo, 19 de janeiro de 2014

CUIDADO COM A SUPER-ESPIRITUALIZAÇÃO!


Muitos com boa intenção desejam verdadeiramente obter o poder de Deus, mas como não possuem uma base sólida na palavra acabam por confundir espiritualidade com espiritualização: "Errais, não conhecendo as Escrituras nem o poder de Deus” (Mt 22.29). Assim, acabam criando a sua própria linguagem e se distanciam da sistematização das escrituras, conforme se vê hoje em algumas igrejas neopentecostais e ultra-pentecostais, as frases de efeito que são à base de uma cartilha de um grupo que detém a sua própria Teologia a informalidade:

- É mistério
- Queima ele Jeová!
- Crente que não faz barulho, tem defeito de fabricação!
- Crente que não da glória a Deus e aleluia, não é crente!
- Se liga no fio que desce
- Atender a Jesus no celular na hora da pregação!

Os proponentes destes jargões, em sua maioria defendem que para o crente ter uma vida avivada, basta ele dobrar o joelho e orar e de uma hora para outra, ele torna-se espiritual. Na verdade a espiritualidade vai de encontro a este pensamento, pois quando lemos a palavra com disciplina, oramos com amor e nos envolvemos com as coisas de Deus, não apenas por sacrifícios, mas por prazer!


Pr. Orlando 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

UM PENSAR SOBRE A VOLTA DE JESUS!

Vivemos os últimos tempos e cada vez mais os sinais do arrebatamento são claros, fazendo com que cada cristão reflita o seu papel na soci...